Põe o moletom, Prova meu batom

07:21




Um cidadão chega virando a tua vida do avesso, te bagunçando, deixando o coração na mão, fazendo muito barulho e as pernas tremerem. O Outro, chega devagar, tranquilo, desacelerado, experiente, arrumado e bonito, pra variar. A diferença? É que um vem trazendo com ele a Paixão (arrebatadora, quente, egoísta) e o outro o amor (suave,verdadeiro e doador).
Nunca havia conseguido entender as diferenças entre uma coisa e outra, mas a gente só sabe quando a gente começa a sentir. Durante muito tempo da minha vida, eu quis sentir todos os efeitos possiveis da paixão. Queria o coração batucando no peito, a barriga remexendo, os olhos brilhando, o sorriso acordando comigo logo de manhã. Mas o que a gente não percebe, é que a paixão é cruel com a gente e a gente nem nota de tão entorpecido que tá, e o pior, a gente ainda fica querendo mais. Até que chega o dia, quando você menos espera, quando nem está procurando, Pimba! O amor vem e se apresenta pra você. E aí, você percebe que tudo o que sentia antes, era mera festa de carnaval. Era euforia, ansiedade,inquietude.

Por que o amor é calmaria, é confiança, pés no chão e coração (dentro do peito) batendo no ritmo certo. É a paz que vem de dentro de um abraço. É o acolhimento de todas as suas inseguranças, inquietudes, é a junção de todas as suas verdades. É a tua nova chance, o novo rumo, e daí você vira uma nova mulher. O amor é real. Ele não te engana, não te deixa esperando, não te dá desculpas esfarrapadas. Ele chega e de cara, te mostra logo todas as cartas. Semi-amor não existe. Por que o amor é inteiro. É conviver no dia a dia, nas dificuldades, dividir o banheiro, a cama, o dinheiro, o mau humor, os medos, as realizações. É saber que vc não tem mais o direito de se boicotar de correr atrás de quem não te quer. De mandar trezentas mensagens na madrugada. Nem se sentir um trapo por causa das decepções. De sair da sua cidade pra ir atrás de nenhuma ilusão. Por favor. Tome Juízo agora.

Pare de ouvir tanto o coração e escuta logo essa razão que há séculos grita dentro de você sem poder sair. Abre o coração, rasgue o peito, agora você tem alguém que te faz sorrir só de existir. Alguém realmente interessado em você (Lê-se: VOCÊ, não seu corpo).
A paixão não tem solução. O amor te traz o chão. A paixão tem limites, ela vai embora juntos com as luzes que se apagam quando a festa acaba. O amor não. Ele tem porto seguro, ele tem por quê. Ele te dá asas pra seguir em frente. Paixão você vai atrás dela, o amor te encontra. Paixão você pode até pensar que é amor, mas o amor nunca é paixão. Paixão é corrida o amor é caminhada. Paixão é samba, é rock,é uma noite com chopp e música pra dançar. Amor, é soul,jazz e noite bonita regada a conversas e vinhos na sacada. É acordar com o cabelo bagunçado e a maquiagem borrada e não precisar correr pro banheiro pra arrumar. Não é se esforçar pra agradar, é agradar sem esforço algum. O Amor não causa nós na garganta,não te deixa em dúvida. O amor é limpo e honesto, o amor não dói. O amor não tira nada do lugar, pelo contrário, ele organiza a bagunça,limpa e leva de dentro de você, todo acúmulo, todo passado, toda culpa. O amor te traz de volta, te dá casa, comida, sexo, companheirismo e ainda por cima te deixa linda.

Você pode ter conhecido muita gente pelo caminho, muitas bocas, muitos abraços, promessas, muitos corpos na madrugada, mas quando o amor chega pra você, você sabe exatamente que não existe nada comparado a ele.






You Might Also Like

14 comentários

MELHORES DA SEMANA

DIREITOS AUTORAIS

Licença Creative Commons
Este Blog está licenciado com uma Licença Creative Commons. Todos os textos neste site são de autoria de Dri Andrade Carollo. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

CRÉDITOS NAS IMAGENS

Algumas imagens que aparecem neste site são retiradas da internet. Se você possui os direitos de alguma, favor entre em contato, diga seu nome e eu coloco. Obrigada!

Subscribe