Sobre nunca encontrar alguém

07:37



Eu acho que todos somos um pouco estrangeiros nessa vida. Andamos, viajamos, conhecemos coisas, lugares, pessoas, abrimos e fechamos portas,mas sempre estamos em busca de um porto. Deve haver um porto. Um porto pras nossas ansiedades, pra nossa pressa interior, pro nosso querer algo mais. E, entre todas as coisas que o ser humano quer, o que ele quer mesmo é encontrar um amor. Mas essa parece a coisa mais dificil nos dias de hoje. Encontrar alguém que valha à pena. Que valha todas as suas noites de insônia, suas crises ansiosas. Nos dias de hoje amar é out, é careta. Hoje você abre a porta, a atração entra, amanhã a paixão chega, encontros tórridos e apaixonados, depois de amanhã a insegurança, o gosto amargo e na semana seguinte não sobra nada pra contar história. Por que o comum é saber a hora de dizer adeus. O Comum é ter hora pra começar e terminar sem amarras e compromisso zero. Sem desfechos dolorosos, sem a apatia de partir deixando pra trás uma história prematura e raquítica. Sem escovas de dentes no mesmo banheiro, sem a chave do carro dele na cabeceira da sua cama.

Agora que já inventaram desodorante que não te abandona por 24 hs e pasta de dente que fica com você por 12, poderiam também inventar um amor que durasse mais que a primeira noite. Que tivesse assunto, solidez e sustentasse um papo bacana. Por que um dia a gente cansa de contar amores. A gente olha pra nossa cara no espelho e se pergunta o que esta errado. O atraso nos coloca em dúvida. Um dia a gente quer mais é quem possa fazer alguma diferença. Um dia a gente pára de acreditar em promessas que nunca vão se cumprir e começa a entender que o amor de verdade nasce das nossas experiências e não das nossas expectativas. É pegando seus retalhos pra fazer uma colcha nova. Por que gostar é uma delicia, muito mais do que fazer joguinhos. E qualquer coisa. Cada dia tudo é superficial, fugaz, momentâneo. Deixamos as pessoas trancadas no celular, nas redes sociais, e partimos ao encontro de nada. A gente quer alguém que venha pra ficar mas, às vezes, a gente é só passagem, como uma estação que vem e vai. Se você fosse contar os episódios antigos da sua vida, aposto que daria uma boa mini-série. Aquele cara da festa, aquele mais velho, aquele que faz video conferencia o dia todo e te liga entre uma e outra pra saber (de novo) o que você está fazendo, aquele outro, amigo do seu amigo, aquele que é engenheiro, aquele divertido. Aquele de outra cidade. A gente quer que o outro pinte na nossa vida como saída da solidão. Pede pra vida um pacote de minutos pra amar ilimitado e que te dê bônus no final do dia.

E você demora pra encontrar alguém, a quem você podesse se entregar sem exigir nota fiscal. Por que não é qualquer um que te faz querer parar o mundo pra ficar mais um pouquinho. Não é qualquer um que vem com um texto bonito embutido. Você cansou de amores de uma noite só. Amores Delivery.
Você passa a vida guardando o seu melhor pra quando o amor finalmente chegar. Mas esse tal de amor parece  mais um brincalhão que foge de você, que brinca de esconder. Te faz tropeçar, borrar a maquiágem diversas vezes, enfrentar osbstáculos, enganos e desencontros. Você já está bem grandinho e já sabe que ter um parceiro constante, pode ou não, ser sinônimo de felicidade. Mesmo assim, quer testar pra ver que gosto tem. Ainda que lá na frente descubra que não é o que você quer e dê uma bela banana para o amor.

You Might Also Like

16 comentários

  1. Pois é, como eu disse no blog, as pessoas preferem fugir de um relacionamento do que levar o pacote completo, que inclui os defeitos e outras coisitas não muito boas.

    Mas é o que eu falo, um dia a ficha cai e os pensamentos mudam :)

    Beijo amiga!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade amiga, mas são poucos os sortudos que acham esse amor e não o deixa partir. bjs

      Excluir
  2. Foderááááásticoooo esse TEXTO!!!

    amei como sempre.
    beijos

    ResponderExcluir
  3. É a mania que se tem de querer estar sempre em êxtase. Relacionamentos duradouros são mornos e a maioria quer viver em estado de paixão eternamente.
    Gostei muito do texto.
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse estado de paixão é gostoso, mas no lugar dele tem que entrar o amor uma hora né? bjs Paty

      Excluir
    2. Eu to amando esse blog!

      Excluir
  4. É bem verdade. Eu mesma tive relacionamentos longos, mas, de repente, no meio deles queria algo novo, sem me dar conta que o novo não precisa ser o parceiro, mas as expectativas e o amanhecer ao lado dakela mesma pessoa. Aproveitei, troquei de amores, mas, graças a Deus ( e em tempo) encotre aquele que me fez descer numa estação e não querer mais partir para outro lugar!
    Lindo texto, Dri!
    Beijo grande!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todas nós amiga, todas nós...

      ...que bom que vc esta na estação certa. Quero saber dos preparativos do casório, depois passo lá pra ver...beijossss

      Excluir
  5. Oi,Dri!Nossa muito bacana teu texto,acho muito bacana teu jeito de escrever me lembra muito o jeito que a Martha Medeiros escreve e eu sou fãzona dela.Pois é Dri eu to vivendo esse momento sabe querendo sossegar esperando que o amor me encontre, vamos ver no que vai dar o que não podemos é perder a fé.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  6. Olá Dri, uma amiga me indicou o seu blog e adorei!! Estou até te seguindo!
    Esse texto foi escrito pensando em mim né? No meu momento, porque é exatamente isso que estou vivendo. Você disse tudo que estou passando e querendo: um amor de verdade. Cansada de uma solidão!!!
    Bjus e quando puder dê uma passadinha lá no blog, tá começando agora rs.
    http://avidamudaeutambem.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Dri,
    Muito bom seu texto. Uma vez ouvi que a paixão é para muitos e o amor é para poucos. O amor da trabalho, tem que ser cuidado, regado e muita gente não quer.
    Claro que não vamos mais nos perder, Dri!
    Deixo beijos e estrelinhas para enfeitar seu céu.
    ps. não consegui entrar nos seguidores.

    ResponderExcluir
  8. Olá
    Apesar dos pesares, ainda é possível encontrar um verdadeiro amor, não é tão fácil como antigamente, antes as pessoas eram comprometidas com uma relação, agora os sentimentos se tornaram descartáveis devido as mudanças comportamentais vindas há décadas. Existe uma insatisfação geral; se o relacionamento é longo se torna tedioso, se é breve porque é breve, as pessoas se "perderam" pelo caminho. Falta amor, compreensão, admiração, companheirismo para se viver um verdadeiro amor, um verdadeiro relacionamento! Resta saber o que as pessoas realmente querem! Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Dri adorei seu texo, muito legal.

    Está rolando um super sorteio de lançamento do blog Sempre Charmosas e convidamos você a participar, confira os três kit que iremos sortear e as regrinhas básica para participar, http://semprecharmosas.com.br/2012/06/23/sorteio-lancamento-do-blog/.

    Você também encontra as Sempre Charmosas no face:
    http://www.facebook.com/semprecharmosas
    www.semprecharmosas.com.br

    Estaremos aguardando sua visita.

    Beijos Sempre Charmosas

    ResponderExcluir
  10. Me perdi pelo caminho, mas acabei achando o seu Infinito Particular. Lindo título e lindas palavras por aqui.

    O amor é o pote no fim do arco-íris, quando a gente acha que vai conseguir alcançar, foi-se o arco-íris levando o sonho... Sigamos sonhando, né?

    Beijo!

    ResponderExcluir

MELHORES DA SEMANA

DIREITOS AUTORAIS

Licença Creative Commons
Este Blog está licenciado com uma Licença Creative Commons. Todos os textos neste site são de autoria de Dri Andrade Carollo. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

CRÉDITOS NAS IMAGENS

Algumas imagens que aparecem neste site são retiradas da internet. Se você possui os direitos de alguma, favor entre em contato, diga seu nome e eu coloco. Obrigada!

Subscribe